Devocionais
Conselhos que atravessam séculos...(Livro de Tito)

Vemos na Epístola a Tito o nosso irmão Paulo fazendo as vezes de um pai. As minuciosas orientações proferidas por ele são de uma riqueza impar. A vida de Paulo (após sua conversão ao Evangelho de Cristo) foi um exemplo vivo e eficaz do trabalho do Espírito Santo no ser humano.

Trabalho este que o levou de forma intima a se preocupar com a igreja, com os irmãos, com a causa santa e redentora de Jesus. Com grande autoridade e poder de Deus, ele orienta Tito, seu filho na fé, a não ser enganado por falsos mestres, a escolher com zelo os obreiros da casa do Senhor, a orientar homens e mulheres a serem exemplos de obediência e submissão à voz do Espírito Santo e à Sã doutrina.

Fazendo uso do impactante encontro que teve com Jesus, o irmão Paulo viveu em constante zelo e amor por essa obra maravilhosa que lhe foi entregue. Não obstante a perseguições, prisões, espancamentos ele seguiu amando e permitindo que as marcas desse amor ferissem sua própria carne.

A Epístola a Tito é forte, profunda, orientadora, é linda em sua essência. Sei que em nosso século ainda existem pessoas preocupadas com a causa de JESUS com os propósitos da CRUZ, e isso me leva a crer que bons conselhos atravessam séculos. Abaixo um pequeno trecho desta epistola para sua meditação. (Tito 2:1-8)

1 Tu, porém, fala o que convém à sã doutrina.
2 Exorta os velhos a que sejam temperantes, sérios, sóbrios, sãos na fé, no amor, e na constância;
3 as mulheres idosas, semelhantemente, que sejam reverentes no seu viver, não caluniadoras, não dadas a muito vinho, mestras do bem,
4 para que ensinem as mulheres novas a amarem aos seus maridos e filhos,
5 a serem moderadas, castas, operosas donas de casa, bondosas, submissas a seus maridos, para que a palavra de Deus não seja blasfemada.
6 Exorta semelhantemente os moços a que sejam moderados.
7 Em tudo te dá por exemplo de boas obras; na doutrina mostra integridade, sobriedade,
8 linguagem sã e irrepreensível, para que o adversário se confunda, não tendo nenhum mal que dizer de nós.

Que Deus em sua infinita misericórdia continue usando seus servos para nos aconselhar.

COLABORAÇÃO: Esequiel Lira

Publicado neste site em 12/12/2010

Igreja Assembléia de Deus - Ministério de São Miguel Paulista. Todos os direitos reservados.